Bem-vindo – 20/04/2024 04:12
Previous slide
Next slide

Botijão de gás deve ficar 6% mais caro no DF

A Petrobras informou às distribuidoras, nesta segunda-feira (5/7), que vai ter aumento de 6% no preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), e nas refinarias. O último aumento do produto, de 5,9%, havia sido em 11 de junho. Este é o sexto reajuste do ano.

O reajuste entra em vigor à 0h desta terça-feira (6/7). O presidente do Sindicato das Empresas Transportadoras e Revendedoras de Gás LP do Distrito Federal (Sindvargas-DF), Sérgio Guimarães Costa, disse que os preços variam muito no DF e ainda não consegue ter a informação de quanto o consumidor pagará a mais pelo gás de cozinha.

O Sindvargas acrescentou que a mudança terá impacto no bolso do consumidor, pois não há como absorver o que é repassado pelas empresas sem se adequar. “Nossas revendas vêm passando por um processo muito difícil para gerenciar esses inúmeros reajustes. Esse índice com certeza terá impacto ao consumidor, é impossível as empresas absorverem mais esse aumento”, informou Sérgio Costa.

Atualmente no DF, segundo dados de pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o botijão de 13kg é comercializado no DF com um preço médio de R$ 84,42.