Bem-vindo – 20/04/2024 19:39
Previous slide
Next slide

VÍDEO CENAS FORTE “CRIAS DO IPANEMA” Em Valparaíso, PCGO cumpre mandados de prisão contra organização criminosa.

A polícia Civil do estado de Goiás por meio do primeiro Delegacia de Valparaíso deflagrou na manhã de hoje 17/02 a operação Crias do Ipanema 02.

Segundo a Delegada Sãmya Noleto titular, a segunda fase da operação é um desdobramento de alvos que eram investigados na primeira fase dia 17 de janeiro do corrente ano.

Nesta segunda fase foram cumpridos dois mandados de prisão contra os acusados de terem participação no crime de tortura, roubo, ameaça que ocorreu no bairro Jardim Ipanema em Valparaíso apurado pela polícia civil.

O crime de grande repercussão começou depois de uma briga de trânsito que terminou com cinco acusados ameaçando de morte com uma faca no pescoço mantendo em cárcere privado a família da vítima.

Várias imagens circularam pela rede social causando indignação aos moradores da cidade, assim que tomou conhecimento as providências foram tomadas pela polícia civil que resultou na prisão de todos os envolvidos e parte dos bens subtraídos recuperado.

Os envolvidos estão à disposição do poder judiciário da cidade e aguarda decisão no presídio local.

ENTENDA O CASO 

Os fatos foram praticados no dia 02/ 01/2022, por volta das 02h:30min, no bairro Jardim Ipanema, quando uma das vítimas fora violentamente espancada e teve sua família presa em um quarto após uma discussão de trânsito com um dos investigados.

Além das lesões sofridas por uma das vítimas, foram subtraídos objetos das demais vítimas que estavam trancadas.

As imagens foram analisadas pela equipe policial, bem como foram procedidas investigações de campo, logrando-se êxito em identificar três dos cinco coautores.

A partir do que fora colhido durante a investigação, nesta data fora possível proceder a prisão temporária dos três investigados, bem como foram realizadas as respectivas buscas e apreensões.
Com um dos investigados, foram encontradas balança de precisão e um rádio comunicador. Dois dos três indiciados possuem passagens por crimes contra o patrimônio, sendo que um destes está em regime aberto.

Os investigados encontram-se detidos no presídio local, onde aguardarão a conclusão das investigações.

As imagens dos autores estão sendo divulgadas para identificar outras possíveis vítimas de roubo ou outros delitos na cidade de Valparaíso de Goiás.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *