Bem-vindo – 17/04/2024 16:47
Previous slide
Next slide

NO DF: PRESOS PODERÃO PEDALAR PARA GERAR ENERGIA E REDUZIR PENA NA PAPUDA

Câmara aprovou projeto de lei para implantar programa no sistema penitenciário do DF. A cada 16 horas pedaladas, um dia a menos da prisão

A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) aprovou nesta terça-feira (29/6) o projeto de lei que incentiva presos a pedalarem em bicicletas a fim de gerar energia elétrica e assim reduzir penas na Papuda ou em outras unidades do sistema penitenciário do DF.

A participação dos presos será totalmente opcional. Ou seja, os detentos não serão obrigados a pedalar.

Alguns município de Minas Gerais possuem inciativas semelhantes, a exemplo de Santa Rita do Sapucaí. Em Sete Lagoas, a economia é de aproximadamente 5% na conta de Luz do presídio.

A principio, as bicicletas estacionárias ficam no pátio do presídio. Além da geração de energia e da redução da pena, o proposta também tem como objetivo diminuir a ociosidade dos detentos.

O projeto segue para avaliação do governador Ibaneis Rocha (MDB). A proposta poderá ser sancionada ou não