Bem-vindo – 13/04/2024 02:50
Previous slide
Next slide

HOMEM ACABA BALEADO EM CONDOMÍNIO DE VALPARAÍSO, AO PARTIR EM CIMA DE PMDF

Tudo começou no dia 17/6 Por volta das 18h32 quando um PMDF de 36 anos fardado estava indo trabalhar e Observou que em frente ao condomínio que mora com sua família na calçada principal da portaria onde passa crianças, um morador do condomínio de 30 anos na companhia de outros usuários, faziam uso de entorpecentes do tipo maconha.

Ainda no local, entrada principal do condomínio Parque Clube 02 na guarita, o Militar pediu aos usuários que fossem para outro lugar, momento este que rolou uma discussão entre o policial e o morador de 30 anos que fazia uso da droga.

A PMGO foi acionada e chegando no local, ambos entraram em acordo e nenhum dos envolvidos quis registrar ocorrência na delegacia naquele momento como consta na ocorrência feita de atendimento pela PMGO de número 199008917.

Lembrando que o fato acima ocorreu no dia 17/06.

DIAS DEPOIS.

Segundo a PCGO, Por volta das 17:37 hs desta sexta feira dia 23/07, a viatura da PMGO Valparaíso, foi acionada para averiguar um possível desentendimento no condomínio Parque clube 2 , chegando no local os militares se deparam com o PMDF, informando aos policiais o que teria ocorrido dias antes 17/06 , e nesta sexta feira 23/07 pela manhã o PMDF Se deparou com vidro traseiro do seu veículo Toyota corola quebrado e por volta das 17h00 fui atrás dos recursos de câmeras do condomínio para tentar identificar o autor momento este que conseguiu verificar que se tratava do homem que dias atrás teria discutido com ele.

Segundo o PMDF se deparou com o morador que teria discutido dias anteriores e que também teria danificado o vidro do seu carro  e rondando as proximidades ainda realizando uso de entorpecente, O Militar do DF realizou abordagem ao usuário que desobedeceu a ordem de parada e se virou e foi tentar agredir o policial diante da ameaça o militar tentou impedir a agressão efetuando disparos de emergência como não surtiu efeito Parou acertando ombro do agressor.

Ao sessar, o policial foi conversa o agressor e observou que ainda transtornado aparentava estar sobe efeito de droga e álcool, o morador atingido foi socorrido até o hospital mais próximo cais, onde passou por procedimento.

A viatura da PMGO foi até o pronto socorro onde foram informados pela equipe médica que o disparo acertou ombro transfixando.

O PMDF foi conduzido até o Ciops pela equipe da PMGO, onde prestou esclarecimentos sobre o fato e foi liberado, a PCGO apura o fato.

A PMDF por meio da comunicação social disse que o fato será apurado.