Bem-vindo – 22/06/2024 13:50
Previous slide
Next slide

Homem é preso suspeito de se passar por funcionário de banco para roubar cliente

Um homem foi preso suspeito de aplicar o “golpe do motoboy”, em Valparaíso, no Entorno do Distrito Federal (DF). Segundo a Polícia Civil, Wellington de Sales Souza fingia ser funcionário de um banco para conseguir roubar o dinheiro de clientes. O detido dizia para a vítima que o cartão dela estava clonado e que a instituição financeira enviaria um motoboy para recolher o item supostamente fraudado.

De acordo com os investigadores, durante a ligação, Wellington informava que cartão da vítima havia sido clonado. O homem ainda orientava o cancelamento dos cartões através de um número de telefone fixo fornecido por ele. Depois, a pessoa era orientada a entregar os cartões, supostamente com problemas, ao motoboy.

No caso investigado, a vítima chegou a receber o suposto motoboy e pediu a ele que apresentasse alguma identificação do banco, como forma de segurança. Wellington, no entanto, negou o pedido e apontou uma arma para a cabeça da vítima, que não teve a identidade revelada. Ele exigiu a entrega dos cartões e fugiu em seguida.

Após o roubo, o suspeito conseguiu subtrair R$ 6 mil da vítima, através de saques indevidos e compras realizadas com o cartão. Assim que foi preso, o homem foi devidamente identificado e reconhecido pela vítima.

A imagem de Wellington está sendo divulgada a pedido da Polícia Civil para identificar outras possíveis vítimas de roubo e do famoso estelionato, conhecido como “golpe do motoboy”. O homem continua preso no presídio local, onde aguardará a conclusão das investigações.