Bem-vindo – 17/04/2024 16:09
Previous slide
Next slide

Suposto faccionado é agredido e preso por 5 dias por rivais, mas foge e aciona PM

Trio foi preso menos de uma hora após denúncia da vítima

Um homem que seria pertencente a uma facção criminosa ficou cinco dias ferido e amarrado em uma região de mata, em Goiânia, mas conseguiu escapar na sexta-feira (8) e acionar policiais militares contra seus supostos agressores, que foram presos. A vítima tinha várias lesões e dois cortes profundos, no pescoço e perna, e foi encontrada próximo ao Mutirama, por volta das 16h.

Aos PMs, a vítima disse que três indivíduos – dois homens e uma mulher – foram os autores da violência. O trio já era conhecido da Polícia Militar (PM) e o denunciante os reconheceu por fotos do banco de dados da corporação.

A vítima relatou, ainda, que a motivação foi que os suspeitos descobriram que ele era de uma facção rival a deles. “Falaram que era de facção rival, me sequestraram e disseram que veriam qual seria minha punição. Disseram que iam arrancar minha cabeça, mas só tentaram e me deixar lá”, revelou em vídeo divulgado pela corporação.

Com as informações dos suspeitos, os policiais realizaram patrulhamento no centro de Goiânia e encontraram o primeiro suposto autor. Os outros dois foram localizados logo em seguida. A prisão ocorreu em menos de 1 hora após a denúncia. O trio, entretando, negou a autoria.

Eles receberam voz de prisão e foram levados para a Central de Flagrantes. O nome dos envolvidos não foi divulgado. Entretanto, a PM informou que a mulher era a mandante e que todos possuem extensa ficha criminal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *